5 dicas sobre o que deve ser considerado ao escolher um provedor de internet

Blog Zona X

5 dicas sobre o que deve ser considerado ao escolher um provedor de internet
10/01/2019
5 dicas sobre o que deve ser considerado ao escolher um provedor de internet

A internet nos dias de hoje tem sido muito utilizada, seja para fazer compras online, pagar uma conta, se informar ou usar as redes sociais. Estamos conectados em todos os momentos, sendo pelo celular, computador ou tablet. Por isso é primordial ter uma internet de qualidade.

 

Mas sempre surge a dúvida de qual provedor de internet é melhor. Assim como qualquer processo de compra de produto ou serviço, a busca por uma internet de qualidade deve ser feita de forma planejada.

 

Então, se você tem dúvidas sobre que provedor escolher e precisa de dicas, continue acompanhando o nosso post blog.

 

Escolha que tipo de conexão atende as suas necessidades

 

Existem vários serviços de internet que estão disponíveis em diferentes áreas. Banda larga é um termo que se refere a todos os tipos de acesso à internet que não são rede discada. E é a melhor opção quando o assunto é custo benefício, sendo uma das internets mais usadas do país, tanto em casas quanto em empresas e estabelecimentos comerciais.

 

Dentro da Banda Larga nós temos a Internet a cabo, que é entregue a você através do serviço via cabo. A velocidade desse tipo rede varia acima de 100Mbps, mas tem a desvantagem de compartilhar seu serviço com outras pessoas em seu bairro, o que pode deixar a sua internet muito mais lenta.

 

A Internet por satélite, é outro tipo de internet Banda Larga, é um serviço que é entregue através de um satélite. Comparado as outras conexões é um serviço lento, com a velocidade abaixo de 20Mbps. Por isso, pode fazer com que você demore um certo tempo para assistir um filme na Netflix. Mas, se você morar em uma área rural, talvez o satélite seja a sua única opção de serviço Banda Larga.

 

A Internet de fibra óptica é a mais recomendada atualmente, é um serviço entregue via a cabo, e utilizado pela Zamix. É uma internet muito mais rápida que as outras, e oferece velocidades de até 500 Mbps.

 

Verifique se tem cobertura para a sua região

 

Depois de pesquisar que tipo de conexão atende melhor as suas necessidades, é muito importante que antes de você adquirir um provedor de internet, pesquise sobre quais atendem a sua região, principalmente se você busca por uma conexão a cabo, que depende dos cabos físicos nos bairros.

 

O melhor local para encontrar essa informação é no próprio site da empresa, que normalmente disponibiliza uma área para visualizar a cobertura da sua cidade, outra opção é entrar em contato pelas redes sociais, ou pelo telefone da central da empresa.

 

Velocidade

 

O terceiro passo da sua pesquisa é a velocidade. Antes de mais nada é importante que você faça uma avaliação das suas necessidades de uso, considere a quantidade de pessoas que irão utilizar o serviço e o tipo de consumo de cada um. Aqui estão algumas recomendações para ajudar você a compreender o seu perfil:

 

- internet de 1 mega: indicado para quem usa pouco a rede, apenas para e-mails, notícias e redes sociais;

- internet de 5 mega: melhor para visualizar vídeos, realizar downloads leves e fazer chamada de vídeo;

- internet de 10 mega: indicada para quem se mantém sempre conectado, ideal para assistir muitos vídeos, redes sociais de forma mais rápida;

- internet de 20 mega: mais velocidade no carregamento de dados, até mesmo de filmes longos, e uso para jogos online;

- internet de 50, 100 e até 300 mega: voltadas para quem possui muitos aparelhos conectados (uma família com muitos usuários, por exemplo) e para upload de vídeos de alta qualidade.

 

Quando um provedor de serviços oferece um plano, a velocidade entregue se refere à taxa de download, que é responsável por receber os dados. Muitas pessoas se surpreendem quando veem que a velocidade de upload, que são os dados que são enviados por você, é mais baixa que a de download. Mas isso acontece porque nós recebemos muito mais informações do que enviamos.

No entanto, a velocidade do seu upload também é importante, porque se estiver muito baixa, pode cair a qualidade da sua navegação.

 

Atendimento ao cliente

 

Muitas pessoas consideram o preço o fator primordial para escolher o seu provedor de internet, mas esse não é o principal. Um dos elementos mais importantes na hora da sua escolha, é o atendimento ao cliente. Você pode combinar preço baixo com qualidade de atendimento.

 

Por isso, escolha um provedor que tenha um histórico de satisfação com os seus clientes. Pergunte aos seus familiares e amigos sobre as empresas e busque opiniões na internet. Assim você terá menos chances de ficar insatisfeito.

 

Fazendo a escolha

 

Agora que já avaliou todas as opções acima, você deve ter chegado a um número reduzido de opções. Então aqui vai uma sugestão para ajudar a decidir.

 

Atualmente, os provedores locais estão sendo cada vez mais procurados, já que eles podem oferecer preços mais baixos, maior estabilidade de conexão, atendimento personalizado e direto, entre outras vantagens em relação a grandes operadoras. Além de poder retirar dúvidas, realizar reclamações ou solucionar possíveis problemas com mais facilidade. Sem dúvidas, vale a pena dar uma pesquisada antes de contratar.

 

E por último, é claro, que nós queremos receber sempre o melhor serviço pelo menor custo possível. Mas para que você possa ter os dois é fundamental analisar todos os fatores listados. Por isso, não coloque como o primeiro da lista, pois as suas chances de escolher uma empresa de baixa qualidade são altas.

 

Seguindo essas dicas você vai conseguir uma internet de qualidade com um preço que cabe no seu bolso.


Voltar

Mais Vistos

As vantagens e desvantagens dos cursos online na atualidade

16/01/2019

O Wi-Fi Inteligente Zamix está chegando à região

10/08/2021

O que é LGPD? Veja como evitar vazamentos dos seus dados

22/06/2023

Anúncio